Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Tensão com Guiana: Maduro fala em “paz e entendimento” em manhã de conversa com Lula

    Presidente venezuelano conversou com Lula por telefone, a fim de tratar sobre o interesse em incorporar o território de Essequibo

    Nicolás Maduro, em Caracas (arquivo)
    Nicolás Maduro, em Caracas (arquivo) 4/12/2023 REUTERS/Leonardo Fernandez Viloria

    Guilherme Padincolaboração para a CNN

    O presidente venezuelano Nicolás Maduro afirmou querer paz e entendimento ao comentar o interesse do país em incorporar o território de Essequibo, pertencente à Guiana.

    “Guiana e ExxonMobil terão que sentar para conversar conosco, o governo da República Bolivariana da Venezuela. De alma e coração, queremos paz e entendimento. Que o mundo escute, com o Acordo de Genebra, tudo!”, escreveu Maduro em sua conta no X (antigo Twitter), neste sábado (9).

    Manhã de conversa com Lula

    Também na manhã deste sábado (9), Maduro conversou com Lula por telefone, como informou o governo brasileiro.

    A ligação tratou da tensão entre Venezuela e Guiana pela região de Essequibo.

    Na conversa, Lula transmitiu a preocupação do Brasil e outros países sul-americanos sobre o tema, e citou a declaração aprovada na Cúpula do Mercosul, assinada por por Brasil, Uruguai, Paraguai, Argentina, Colômbia, Peru, Equador e Chile.

    “[Lula] recordou a longa tradição de diálogo na América Latina e que somos uma região de paz”, escreveu o governo federal. Ainda de acordo com a nota, Lula pontuou sua posição contrária a “medidas unilaterais que levem a uma escalada da situação”.