Volodymyr Zelensky diz ser grato aos russos “sem medo de protestar”

Presidente ucraniano publicou um vídeo nas redes sociais e agradeceu diretamente à manifestante que levantou cartaz antiguerra em canal russo

Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky
Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky Reprodução/CNN Brasil (8.mar.2022)

Samantha Beechda CNN

Ouvir notícia

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky disse que é “grato” aos russos que “não têm medo de protestar” e que “dizem a verdade” sobre a invasão russa da Ucrânia.

“Sou grato” aos russos que não param de tentar transmitir a verdade. Aos que lutam contra a desinformação e dizem a verdade, fatos reais a seus amigos e entes queridos”, disse ele em um vídeo do Telegram enviado no início desta terça-feira, horário local.

Zelensky também falou diretamente sobre Maria Ovsyannikova, a funcionária do Russia Channel One que segurava um cartaz antiguerra, para interromper um dos principais programas de notícias da televisão estatal russa em horário nobre nesta segunda-feira.

“Sem guerra”. Pare a guerra”. Não acredite que a propaganda que eles lhe dizem está aqui”, dizia o cartaz. “Russos contra a guerra”, a última linha do letreiro dizia em inglês.

Zelensky agradeceu a Ovsyannikova após seu protesto.

“E pessoalmente à mulher que entrou no estúdio do Canal Um com um cartaz contra a guerra”, disse ele.

“Àqueles que não têm medo de protestar”. Enquanto seu país não se fechar completamente do mundo inteiro, transformando-se em uma Coraia do Norte muito grande, você deve lutar”. Você não deve perder sua chance”.

O advogado de Ovsyannikova, Dmitry Zakhvatov, disse anteriormente à CNN que ele não consegue encontrar sua cliente, apesar das informações de que ela está na delegacia de polícia de Ostankino, em Moscou.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN