Zelensky diz que Ucrânia retomou mais de mil assentamentos das forças russas

Presidente ucraniano não detalhou quanto representam os territórios; serviços estão sendo restabelecidos nas áreas

Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskiy, durante entrevista coletiva em Kiev
Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskiy, durante entrevista coletiva em Kiev Valentyn Ogirenko/Reuters (08.mai.2022)

Mariya Knightda CNN

Ouvir notícia

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky disse que a Ucrânia retomou seis assentamentos das forças russas na sexta-feira (13) e 1.015 no total desde o início do conflito em fevereiro.

“Continuamos a restaurar os territórios desocupados da Ucrânia. Até hoje, 1.015 assentamentos foram desocupados, mais seis nas últimas 24 horas”, disse ele em seu discurso noturno.

 

Não está claro exatamente quanto território esses assentamentos constituem. Zelensky delineou outros ganhos dos militares da Ucrânia nessas áreas.

“Devolvemos eletricidade, abastecimento de água, comunicações, transporte, serviços sociais para lá”, disse ele.

Ele também afirmou que “a libertação gradual da região de Kharkiv” prova que a Ucrânia “não deixará ninguém ao inimigo”.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN