Covid-19: Região do Pará que faz fronteira com Amazonas preocupa, diz Barbalho

Governador falou em entrevista à CNN sobre situação do estado

Da CNN, em São Paulo
25 de janeiro de 2021 às 17:46


Em entrevista à CNN nesta segunda-feira (25), Helder Barbalho (MDB), governador do Pará, afirmou que a situação do estado está sob controle no que diz respeito à pandemia de Covid-19, entretanto, a região Oeste, que faz fronteira com o Amazonas, preocupa. 

“[Estamos] trabalhando para assegurar leitos clínicos e de UTI. Nesse momento, temos 114 leitos de UTI instalados na região. Estamos com seis aeronaves fazendo o aeromédico, o translado desses pacientes das cidades menores para serem atendidos nos hospitais regionais.”

 

Barbalho disse ainda que o estado conta com o barco hospital, que dá suporte ao município de Faro, que faz fronteira com o estado do Amazonas. O governador afirma que estão garantindo a oferta de oxigênio para todos os municípios que compõem o Baixo Amazonas e o Calha Norte.

“Nesse momento, nossa estrutura em saúde está com 69% dos leitos de UTI ocupados e 47% de leitos clínicos ocupados. Portanto, a fotografia de todo o estado ainda nos permite ter controle e não projetar a necessidade de transferência de pacientes”, afirmou.

“O que nos preocupa é a fotografia da região oeste do Pará e, por isso, nós reforçamos a estrutura em saúde da região Oeste para que seja garantido o atendimento à população.”

(Publicado por Thâmara Kaoru)