Após lockdown, Araraquara não registra mortes por Covid-19 em 24 horas

O fato acontece após a cidade ter sido a primeira do estado a adotar um lockdown, iniciado no dia 21 de fevereiro e que durou 10 dias

Karla Chaves, da CNN, em São Paulo
26 de março de 2021 às 18:07 | Atualizado 26 de março de 2021 às 18:08

Araraquara, no interior de São Paulo, registrou nesta quinta-feira (25) seu primeiro dia sem mortes por Covid-19 desde o dia 9 de fevereiro, há 44 dias. O fato acontece após a cidade ter sido a primeira do estado a adotar um lockdown, iniciado no dia 21 de fevereiro e que durou 10 dias. Após esse período, a cidade seguiu as determinações do Plano São Paulo, primeiro na fase vermelha e depois na fase emergencial.

Ainda em fevereiro, a cidade registrava altos índices de lotação dos leitos de UTI e enfermaria. Para tentar conter o avanço da pandemia na cidade, o prefeito, Edinho Silva (PT), determinou um lockdown total no município.

A medida surtiu efeito, com queda no número de casos e mortes pelo novo coronavírus na cidade.

Lockdown na cidade de Araraquara devido ao colapso do sistema de saúde
Lockdown na cidade de Araraquara devido ao colapso do sistema de saúde
Foto: Tetê Viviane/Futura Press/Estadão Conteúdo

Apesar dos resultados positivos, Araraquara ainda registra altos índices de ocupação de leitos de UTI e enfermaria. Segundo o último boletim da prefeitura da cidade, a lotação das UTIs é de 91% e dos leitos de enfermaria é de 81%.