Cidades do Rio de Janeiro montam bloqueios para o ‘superferiado’

Feriado de 10 dias acontece entre esta sexta-feira (26) e o dia 4 de abril para conter o avanço da pandemia

Camille Couto, da CNN Rio de Janeiro

Ouvir notícia

As cidades do Rio de Janeiro trabalham em conjunto para tentar conter a proliferação do coronavírus durante o superferiado que acontece entre esta sexta-feira (26) e o dia 4 de abril.

Uma reunião foi realizada na quarta-feira (24) entre o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do estado e a prefeitura da capital para montar um esquema de restrição de circulação.

Em entrevista à CNN, Rodrigo Oliveira, secretário municipal de Saúde de Niterói, afirmou que na região Serrana e na região dos Lagos, na Baixada Litorânea, serão organizadas um conjunto de barreiras para tentar evitar o trânsito de pessoas e, assim, garantir a redução da transmissão da doença.

Além disso, explicou ele, tanto a prefeitura do Rio quanto a do município têm recomendado fortemente que as pessoas não viajem nesse feriado de 10 dias e que fiquem em casa ao longo de todo o período. “Nós temos chamado [o feriado] de parada emergencial para conter o coronavírus no estado”, disse.

“Na cidade de Niterói nós temos fiscalização forte do uso de máscaras e dos cumprimentos de protocolos. Caso os setores econômicos descumprirem [as regras], [pode haver] tanto multa ou perder o alvará para funcionamento”, explicou.

Segundo o secretário, desde maio do ano passado até hoje, Niterói aplicou duas mil multas por não uso de máscara. “[A multa] é em torno de R$ 400, podendo dobrar em caso de reincidência. Temos tido poucas [multas] especialmente nesse período porque a população de Niterói tem cumprindo de forma expressiva.”

No caso de festas, Oliveira afirmou que vão “até a fonte”. “[Multamos] o promotor da festa, no CNPJ de quem está descumprindo as medidas sanitárias, com multas e com a possibilidade de perder o alvará.”

Coronavírus: prefeitura de Niterói, no RJ, fechará praias
Prefeitura de Niterói, no RJ, fechará praias a partir de sábado (20) para tentar impedir avanço do novo coronavírus
Foto: Reprodução/Pixabay

Mais Recentes da CNN