Existe uma demanda reprimida de turismo doméstico, diz especialista

Em entrevista à CNN, o coordenador de projetos da FGV, André Coelho, especialista em turismo, destacou a importância do investimento no setor

Duda CambraiaPedro PimentaLucas Rochada CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

A queda de rochas na cidade de Capitólio, em Minas Gerais, no dia 8 de janeiro, chamou a atenção do setor de turismo para o investimento em estratégias de segurança.

Em entrevista à CNN, o coordenador de projetos da Fundação Getúlio Vargas (FGV), André Coelho, especialista em turismo, destacou a importância do investimento no setor com o objetivo de geração de renda para os municípios.

“Existe uma demanda reprimida grande para turismo doméstico, a gente está com dólar alto, os brasileiros não estão saindo para o exterior e estão preferindo fazer turismo no Brasil”, disse Coelho.

Para o especialista, a melhoria na qualidade dos serviços oferecidos, tanto por governos como por empresas, poderá levar ao aumento da confiança do turista brasileiro.

“Algumas cidades hoje dependem realmente do turismo e podem aumentar significativamente as suas receitas econômicas se investirem em turismo, é um setor de futuro positivo para o Brasil”, afirmou.

Buscas na internet podem aumentar a segurança nas viagens

Coelho recomenda que, antes de programar uma viagem, as pessoas devem pesquisar na internet e nas redes sociais os principais problemas apontados por outros turistas durante hospedagens, passeios e excursões.

“Outra questão é se certificar de que a empresa que está provendo os serviços e os passeios está certificada no Ministério do Turismo ou se ela tem algum seguro especial que possa ser oferecido para o cliente”, afirmou.

Mais Recentes da CNN