Previsão é de mais 4 dias de chuva forte no Sudeste, diz meteorologista do Inmet

De acordo com o chefe da previsão do tempo do instituto, semana seguinte deve ver trégua nas chuvas acompanhada de forte onda de calor na região

Da CNN*

em São Paulo

Ouvir notícia

As chuvas intensas vistas nos últimos dias devem continuar castigando Minas Gerais e também os estados vizinhos São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo nos próximos dias. Ao fim da semana, porém, devem ter uma trégua e dar lugar a uma onda forte de calor por alguns dias.

“A convergência de umidade está muito acentuada entre Goiás e Minas Gerais, indo para o Rio de Janeiro e o Espírito Santo”, disse o chefe de previsão do tempo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Francisco de Assis Diniz, em entrevista à CNN neste domingo (9).

“Essas condições persistem ainda durante o início desta semana e a chuva deve seguir nessas regiões. A previsão para os próximos quatro dias é que a chuva chegue aos 200 milímetros nessa região do Sudeste pegando Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e o sul do Espírito Santo.”

De acordo com Diniz, em algumas partes, caso de Minas, já choveu nos últimos dias mais do que a média comum para todo o mês de janeiro.

O meteorologista explica que é normal haver chuvas intensas nessas regiões nesse período do ano, lembrando de anos recentes de grande precipitação, caso de 2019 (mesmo ano em que rompeu a barragem de Brumadinho, em Minas Gerais, em 25 de janeiro).

“Minas Gerais sofreu com muita chuva em janeiro de 2019; em Belo Horizonte [naquele ano], choveu o equivalente à metade do ano inteiro”, disse. “Porém o que está existindo hoje é muita chuva em um curto período de dia, em três, quatro dias; isso não é normal.”

A partir da próxima quinta-feira, Diniz afirma que deve haver uma trégua de uma semana nas chuvas marcada, por outro lado, por ondas de calor intenso.

“De quinta para sexta-feira, vai ter trégua de pelo menos uma semana nessas chuvas pegando o Sudeste, a Bahia, o Distrito Federal, o famoso veranico. Porém, no final de semana e na próxima semana deve haver uma onda de calor bem forte, que vai pegar o Rio Grande do Sul também”, disse.

Rocha desaba em Capitólio (MG)

*Texto publicado por Juliana Elias

Mais Recentes da CNN