Presidente do Congresso e ministros do STF repercutem atos de 7 de Setembro

Autoridades usaram redes sociais para mandar mensagens sobre o Dia da Independência e em defesa da democracia

Da CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

O presidente do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) repercutiram os atos favoráveis ao governo de Jair Bolsonaro (sem partido) nesta terça-feira (7).

O presidente da República participou de manifestação, em Brasília, pela manhã. No local, ele discursou aos apoiadores e afirmou que quem age fora da Constituição Federal deve ser “enquadrado” ou “pedir para sair”.

“Ao tempo em que se celebra o Dia da Independência, expressão forte da liberdade nacional, não deixemos de compreender a nossa mais evidente dependência de algo que deve unir o Brasil: a absoluta defesa do Estado Democrático de Direito”, afirmou Pacheco nas redes sociais.

O ministro do STF Alexandre de Moraes também publicou uma mensagem sobre o 7 de Setembro. “Comemoramos nossa Independência, que garantiu nossa Liberdade e que somente se fortalece com absoluto respeito a Democracia”, escreveu.

Presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e também ministro do STF, Luís Roberto Barroso defendeu “eleições livres, limpas e seguras”.

“Brasil, uma paixão. Brancos, negros e indígenas. Civis e militares. Liberais, conservadores e progressistas. Desde 88, a vontade do povo: Collor, FHC, Lula, Dilma e Bolsonaro. Eleições livres, limpas e seguras. O amor ao Brasil e à democracia nos une. Sem volta ao passado.”

Mais Recentes da CNN