Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    “Se Tarcísio vier ao PL, faremos uma festa em São Paulo”, diz Valdemar à CNN

    Governador de São Paulo, no entanto, tem afirmado a auxiliares que não pretende deixar, neste momento, o Republicanos

    Gustavo Uribe

    O presidente nacional do PL, Valdemar Costa Neto, disse à CNN que se o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, decidir deixar o Republicanos e se filiar ao PL, ele fará “uma festa em São Paulo”.

    Na conversa com a CNN, o dirigente partidário ponderou, no entanto, que nunca discutiu o assunto com o governador e que, na avaliação dele, agora não é o momento de Tarcísio discutir o tema.

    Vídeo: Tarcísio descarta candidatura à Presidência em 2026

    “[Tarcísio] Nunca discutiu esse assunto e agora não é hora de discutir. Mas se ele vier para o PL, nos faremos uma festa em São Paulo”, afirmou.

    Segundo relatos feitos à reportagem, o governador tem afirmado que, neste momento, não pretende deixar o Republicanos. O presidente nacional do partido, Marcos Pereira, também nega essa possibilidade.

    A possibilidade de o governador mudar de partido surgiu em meio à negociação para que o Republicanos ganhe um cargo na Esplanada dos Ministérios.

    O nome do partido é o do deputado federal Silvio Costa Filho (PE). Para se tornar ministro do Esporte, no entanto, ele deve se afastar das funções partidárias.

    Antes de definir a pasta do ministro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pretende discutir o tema com Marcos Pereira. O encontro, no entanto, ainda não foi marcado.

    Em entrevista à CNN, o presidente nacional do PP, Ciro Nogueira, já disse ser contra a entrada de sua legenda no governo petista e afirmou que, mesmo que seja convidado, não irá se reunir com o presidente petista.