Temer diz que viagem é ‘natural’ e Bolsonaro pode levar mensagem de paz à Rússia

Presidente do Brasil nesta terça-feira (15) a viagem, em meio a crise de segurança na Europa

Presidente Jair Bolsonaro e ex-presidente Michel Temer
Presidente Jair Bolsonaro e ex-presidente Michel Temer Foto: Alan Santos/PR

Thais Arbex

Ouvir notícia

O ex-presidente Michel Temer (MDB) afirmou à CNN nesta segunda-feira (14) que a viagem do presidente Jair Bolsonaro (PL) à Rússia é “natural” e que o mandatário do Palácio do Planalto pode levar uma mensagem de paz a Vladimir Putin.

“A viagem é mais do que natural, por conta das boas relações que o Brasil mantém com a Rússia. Além de tratar de assuntos comerciais, em especial no agronegócio, o presidente Bolsonaro pode levar uma mensagem de paz entre a Rússia e a Ucrânia”, disse Temer à CNN.

Bolsonaro inicia nesta terça (15) a viagem, em meio à maior crise de segurança na Europa. Temer lembrou que a relação Brasil-Rússia é consolidada e que, ele mesmo, enquanto esteve à frente da Presidência da República fez visitas a Putin.

O ex-presidente lembrou que a viagem à Rússia foi marcada em 30 de novembro de 2021, quando o ministro das Relações Exteriores, Carlos França, visitou Moscou. “O Brasil tem que manter boas relações com a Rússia, assim como tem que manter com todos os países”, disse.

Temer acredita que, apesar da tensão na região, o tema predominante da agenda deve se manter em torno dos fertilizantes.

Mais Recentes da CNN