Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    TSE retoma julgamento de Bolsonaro, megaleilão de linhas de transmissão e mais de 30 de junho

    Ministros Benedito Gonçalves, Floriano de Azevedo Marques e André Ramos Tavares votaram para retirar direitos políticos de ex-presidente; Raul Araújo foi contra

    Da CNN

    A retomada do julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que pode deixar inelegível o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), e o megaleilão do governo de linhas de transmissão estão entre os destaques desta sexta-feira (30).

    TSE retoma julgamento de Bolsonaro nesta sexta; placar está 3 a 1 pela inelegibilidade

    O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) retoma nesta sexta-feira (30), a partir das 12h, o julgamento do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). O placar está em 3 a 1 para a inelegibilidade. A maioria é formada com quatro votos.

    Até o momento, o relator, Benedito Gonçalves, e os ministros Floriano de Azevedo Marques e André Ramos Tavares votaram para retirar os direitos políticos do ex-chefe do Executivo por oito anos. Raul Araújo, por sua vez, foi contra.

    Faltam votar Cármen Lúcia, Nunes Marques e, por último, Alexandre de Moraes, presidente do TSE.

    Megaleilão de linhas de transmissão deve atrair R$ 15,7 bi em investimentos

    O governo dá início, nesta sexta-feira (30), a uma sequência de três grandes leilões de energia que podem deflagrar investimentos de mais de R$ 50 bilhões em novas linhas de transmissão.

    O certame de hoje oferecerá nove lotes, com 6.184 quilômetros de redes, em sete estados — São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia, Pernambuco e Sergipe.

    Trata-se de um dos maiores leilões de transmissão já realizados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), com investimentos previstos de R$ 15,7 bilhões.

    Os contratos firmados terão 30 anos de vigência.

    Imposto de Renda: 2º lote da restituição começa a ser pago nesta sexta-feira (30) com correção de 1% no valor

    A Receita Federal inicia nesta sexta-feira (30) o pagamento do segundo lote da restituição do Imposto de Renda 2023. Esse novo lote será pago com correção de 1% no valor, com base na taxa Selic, que atualmente está em 13,75% ao ano.

    Segundo o Fisco, os valores serão pagos a 5.138.476 pessoas, totalizando R$ 7,5 bilhões, incluindo restituições residuais de exercícios anteriores.

    No primeiro lote, foram contemplados 4.129.925 contribuintes, também totalizando R$ 7,5 bilhões.

    Ministro antecipa à CNN que vai pedir veto de Lula a emenda sobre painéis solares no Minha Casa, Minha Vida

    Em entrevista exclusiva à CNN na noite desta quinta-feira (29), o ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, antecipou que recomendará veto presidencial à emenda que o Congresso Nacional incluiu na medida provisória (MP) do Minha Casa, Minha Vida.

    É a primeira vez que o ministro menciona a questão, que tem gerado grande expectativa no mercado.

    O veto dos artigos aprovados na MP, que preveem a instalação de painéis fotovoltaicos nas unidades habitacionais do projeto, tinha sido solicitado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Segundo a agência, o impacto estimado seria de R$ 1 bilhão na conta de luz dos brasileiros.

    CMN mantém alvo da inflação em 3% para 2026 e adota meta contínua a partir de 2025

    O Conselho Monetário Nacional (CMN) manteve, nesta quinta-feira (29), o alvo da inflação em 3% para 2026 – com margem de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo – e aprovou a adoção da meta contínua perseguida pelo Banco Central (BC) a partir de 2025.

    Fazem parte do colegiado os ministros Fernando Haddad (Fazenda) e Simone Tebet (Planejamento e Orçamento), além do presidente do BC, Roberto Campos Neto.

    Atualmente, a meta de inflação é definida seguindo o ano-calendário, ou seja, a autoridade monetária deve perseguir uma meta de inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechada ao fim de cada ano.

    Newsletter

    Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br.

    *Publicado por Léo Lopes