Com 958 mortes em 24 h, Brasil ultrapassa marca de 120 mil vítimas da Covid-19


Anna Satie, da CNN, em São Paulo
29 de agosto de 2020 às 18:37 | Atualizado 30 de agosto de 2020 às 12:36

Com 958 mortes registradas nas últimas 24h, o Brasil ultrapassou neste sábado (29) a marca de 120 mil vítimas fatais da Covid-19.

Ao todo, o país já confirmou 3.846.153 diagnósticos e 120.462 mortes em decorrência da doença causada pelo novo coronavírus.

Leia também:

Por que nossos cérebros têm dificuldade em lidar com a pandemia de Covid-19

Taxa de contaminação da Covid-19 no Brasil ainda requer cuidados em reuniões

Covid-19, testes, coronavírus

Nesta sexta (28), não houve atualização dos dados referentes ao Rio de Janeiro no balanço do Ministério da Saúde. A secretaria de Saúde do estado informou que houve um problema na base de dados e, excepcionalmente, não divulgaria os números naquele dia.

Os boletins diários da pasta informam os registros feitos desde a tarde do dia anterior, independentemente da data em que os casos tenham acontecido. Há análises que demoram dias para serem concluídas.

São Paulo segue como o estado com a maior incidência do vírus, com 801.422 casos e 29.944 mortes. Em seguida, aparecem Bahia (254.790 casos e 5.302 mortes), Rio de Janeiro (222.957 casos e 16.016 mortes) e Ceará (214.094 casos e 8.382 mortes). 

Um novo relatório divulgado pelo Imperial College of London mostrou que a taxa de transmissão do novo coronavírus do Brasil voltou a 1. Na semana anterior, havia ficado em 0,98, alimentando esperanças de que a doença teria começado a arrefecer no país. 

*Errata: O Ministério da Saúde corrigiu o número de mortes registradas nas últimas 24 horas, que subiu de 758 para 958. Segundo a pasta, os números do Distrito Federal estavam errados. Até o momento, o país acumula 120.461 mortes pela Covid-19.