Em menos de dois meses, AM tem mais mortes por Covid-19 do que todo ano de 2020

5.288 mortes foram registradas apenas neste ano, enquanto 5.285 foram contabilizadas do início da pandemia até o dia 31 de dezembro de 2020

Giovanna Bronze, da CNN, em São Paulo
24 de fevereiro de 2021 às 15:10 | Atualizado 24 de fevereiro de 2021 às 15:14
Mulher com Covid-19 chega para atendimento em pronto socorro no Amazonas
Mulher com Covid-19 chega para atendimento em pronto socorro no Amazonas
Foto: Edmar Barros/Futura Press/Estadão Conteúdo

Ainda que o mês de fevereiro ainda não tenha acabado, o estado do Amazonas já registrou mais mortes por Covid-19 em 2021 do que no ano passado.

Até o dia 23 de fevereiro, o estado registrou 10.573 mortes em decorrência da doença - sendo que 5.288 foram registradas apenas neste ano, enquanto 5.285 foram contabilizadas do início da pandemia até o dia 31 de dezembro de 2020.

Segundo o boletim epidemiológico da Fundação de Vigilância em Saúde do estado, o Amazonas registrou, além das mais de 10 mil mortes, 309.311 casos confirmados da Covid-19. Apenas em 2021, foram contabilizadas 108.298 infecções. Em 2020, foram 201.013 - ou seja, em menos de dois meses, este ano já registrou quase metade dos casos confirmados de março a dezembro de 2020.

Em Manaus, o número de mortes neste ano em relação ao ano passado possui uma diferença ainda maior quando comparado com o estado.

Até 23 de fevereiro, foram contabilizadas 7.479 mortes na capital - das quais 4.099 foram registradas em 2021. O número é 21% maior do que as 3.380 mortes registradas do início da pandemia até o fim do ano de 2020.