Patrícia Ellen: Demanda por oxigênio nos hospitais de São Paulo cresceu 40%

Na segunda-feira (22), as principais empresas responsáveis pela produção de cilindros de oxigênio no país afirmaram que não haverá desabastecimento no estado

Produzido por Layane Serrano, da CNN São Paulo*
23 de março de 2021 às 09:52

Em entrevista à CNN nesta terça-feira (23), Patrícia Ellen, secretária de Desenvolvimento Econômico do estado de São Paulo, afirmou que a demanda por oxigênio cresceu 40% na rede estadual de saúde.

Na segunda-feira (22), as principais empresas responsáveis pela produção de cilindros de oxigênio no país afirmaram que não haverá desabastecimento no estado. A afirmação foi dada durante reunião com o governador João Doria (PSDB).

“O estado de São Paulo teve um crescimento médio de demanda através dos hospitais estaduais de cerca de 40%, e as empresas também relataram um crescimento maior principalmente em UPAs [Unidade de Pronto Atendimento], UBS [Unidade básica de saúde] e hospitais de pequeno porte que dependem mais de cilindros de oxigênio”, disse Patrícia Ellen.

À CNN, a secretária também contou sobre o encontro de membros do governo de São Paulo e as companhias responsáveis pela produção e distribuição de cilindros de oxigênio no Brasil.

“A reunião foi para entender como estava a demanda de oxigênio de todas elas. (...) Detectamos com as empresas também a necessidade de cilindros adicionais. Por isso que fazemos um chamamento para que as empresas possam doar cilindros e que possamos converter cilindros industriais para serem utilizados também”, falou ela.

“A expectativa é que possamos ter um levantamento de pelo menos 3 mil cilindros. A Ambev também anunciou uma nova usina de oxigênio na região de Ribeirão Preto, que ficará pronta em dez dias e fará um fornecimento de 120 cilindros por dia para nos ajudar a complementar essa demanda.”

(*Com informações de Weslley Galzo, da CNN, em São Paulo)

Tanque de oxigênio para abastecimento do Hospital Regional de Osasco
Tanque de oxigênio para abastecimento do Hospital Regional de Osasco
Foto: Aloisio Mauricio/FotoArena/Estadão Conteúdo