Após decisão estadual, prefeito de SP libera máscaras em locais abertos

Medida vale a partir desta quinta-feira (10); revogação para ambientes fechados ainda está em estudo

Douglas PortoLudmila CandalCaio Junqueirada CNN*

em São Paulo

Ouvir notícia

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), declarou, nesta quarta-feira (9), em entrevista à CNN, que a cidade irá dispensar a utilização de máscara contra a proliferação da Covid-19 em ambientes abertos a partir da quinta-feira (10).

“Acabei de assinar o decreto, que sai publicado amanhã no Diário Oficial. E já a partir de amanhã, oficialmente, já estará liberado a obrigatoriedade de uso de máscaras no ambientes abertos”, afirmou Nunes.

A medida acontece após o governador João Doria (PSDB) anunciar nesta quarta-feira que não será mais obrigatório o uso de máscaras em locais abertos, conforme fontes da Saúde já haviam adiantado à CNN.

Segundo Nunes, a liberação das máscaras em ambientes fechados poderá seguir a tendência do governo estadual, que tem a projeção para a revogação da medida a partir do dia 23 de março, mas depende de estudos da Vigilância Sanitária municipal.

“Eu vi o governador falando que poderia liberar a partir do dia 23 de março. Se os dados do Governo do Estado indicam que sim, aqui na cidade de São Paulo, que temos dados muito melhores, do ponto de vista de redução de leitos de UTI enfermaria e de vacina principalmente, eu diria que existe sim o indicativo”, disse. “Mas, vou esperar a Vigilância vir me falar, e farei exatamente o que me orientar”, completou.

O chefe do Executivo municipal ainda explicou que a decisão sobre a liberação de máscaras não tem cunho eleitoral.

“Eu posso garantir que aqui na cidade de São Paulo não tem influência nenhuma de qualquer situação baseada no ano eleitoral. Não estou falando que em outros locais tenham. Realmente a Vigilância Sanitária é um órgão independente, que tem profissionais da mais altíssima qualidade. A população de São Paulo pode ficar tranquila, nossos infectologistas e epidemiologistas são muito competentes”.

Até o momento, segundo levantamento da Agência CNN, 7 capitais e o Distrito Federal, já acenaram para a desobrigação do uso de máscaras em local aberto ou público, mas obrigam em local fechado ou privado. São elas: Belo Horizonte (MG), Cuiabá (MT), São Luís (MA), Boa Vista (RR), Florianópolis (SC), Macapá (AP) e a capital paulista.

(*Com informações de Giulia Alecrim, da CNN)

Mais Recentes da CNN