Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Covid-19: cidade de São Paulo vai lançar passaporte de vacinação digital

    Comprovante digital ficará disponível no aplicativo E-Saúde, da secretaria municipal da Saúde; pessoas que foram imunizadas fora da capital paulista poderão apresentar comprovante físico

    Anthony Wellsda CNN

    em São Paulo

    A prefeitura de São Paulo pretende lançar um passaporte digital de vacinação contra a Covid-19 a partir da próxima semana. O objetivo da prefeitura é dificultar a circulação de pessoas não vacinadas.

    Frequentadores de bares e torcedores que comparecerem em jogos de futebol, por exemplo, terão de apresentar o comprovante digital por meio do aplicativo E-Saúde, da secretaria municipal da Saúde. O comprovante físico da vacinação também será aceito.

    O aplicativo E-Saúde concentra as informações de todas as pessoas que se vacinaram dentro do município mostrando a quantidade de doses já recebidas, o intervalo entre elas e o fabricante do imunizante.

    As pessoas que foram imunizadas fora da capital paulista deverão apresentar o comprovante físico, mas a meta da prefeitura é realizar a integração dos cadastros no futuro.

    Novas informações serão divulgadas ao longo desta semana sobre a obrigatoriedade do passaporte digital de vacinação contra a Covid-19. O E-Saúde pode ser baixado nas lojas de aplicativos para iOS e Android.

    Nesta segunda-feira (23), a capital paulista iniciou a vacinação contra a Covid-19 dos adolescentes de 12 a 15 anos que tenham alguma comorbidade ou deficiência permanente – física, sensorial ou intelectual. Gestantes e puérperas dessa faixa etária também já podem tomar o imunizante. Os adolescentes devem estar acompanhados do pai ou responsável

    Durante a Virada da Vacina, que imunizou jovens de 18 a 21 anos, a cidade aplicou 238 mil doses dos imunizantes no dia 14, o que corresponde ao maior número para um único dia na capital.