Ômicron já representa quase todas as infecções por Covid-19 nos EUA

Dados apontam rápida elevação da presença da nova variante

Aumento de casos devido à Ômicron eleva buscas por testes de Covid-19 nos EUA
Aumento de casos devido à Ômicron eleva buscas por testes de Covid-19 nos EUA Mike Stocker/Sun Sentinel/Tribune News Service via Getty Images

Ben Tinkerda CNN

Ouvir notícia

A variante Ômicron causou 99,9% dos novos casos de coronavírus nos EUA na semana passada, um pouco mais do que na semana anterior, segundo estimativas publicadas na terça-feira (25) pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) do país.

A variante Delta representa o 0,1% restante.

Ao longo do último mês e meio, a Ômicron aumentou rapidamente nas estimativas, respondendo por:

  •      0,6% dos casos na semana que terminou em 4 de dezembro
  •      88,9% dos casos na semana que terminou em 1º de janeiro
  •      99,4% dos casos na semana que terminou em 15 de janeiro

Nem todo teste Covid-19 é enviado para o sequenciamento genético extra necessário para detectar qual variante infectou alguém.

Os Centros de Controle trabalham com amostras e extrapolam suas estimativas com base nesses testes extras.

Cuidados básicos ajudam a prevenir a Covid-19 e a gripe:

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN