SP tem cumprido calendário, diz coordenadora do Plano Estadual de Imunização

Governo do estado anunciou durante uma entrevista coletiva neste domingo (11) que vai vacinar adolescentes dos 12 aos 17 anos contra a Covid-19

Produzido por Elis Franco, da CNN São Paulo

Ouvir notícia

Em entrevista à CNN nesta segunda-feira (12), Regiane de Paula, coordenadora do Plano Estadual de Imunização de São Paulo, afirmou que a vacinação contra a Covid-19 de adolescentes de 12 a 17 anos vai acontecer e que o estado tem cumprindo o calendário de imunização contra o novo coronavírus. 

O governo do estado de São Paulo anunciou durante uma entrevista coletiva neste domingo (11) que vai imunizar adolescentes dos 12 aos 17 anos contra a Covid-19.

De acordo com o governador João Doria (PSDB), a vacinação desse grupo será possível por conta da compra de doses extras da Coronavac.

“Nós trabalhamos com o que é publicizado pelo Ministério da Saúde e nós trabalhamos em parceria com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). Neste mês de julho a gente teve diminuição da entrega da Pfizer, isso já estava previsto. Não estava no site do ministério, mas a gente sempre trabalha num quantitativo menor. Então, o estado de São Paulo tem cumprido no seu calendário”, disse Regiane.

“Todos os novos anúncios são feitos com muito critério, rigor e discussão técnica e, por isso, nesse momento podemos anunciar isso. Caso haja modificação, a população será informada”, esclareceu.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) já autorizou a imunização para essa faixa etária, mas apenas com doses da Pfizer.

De acordo com o novo calendário, entre os dias 15 e 19 de julho será vacinada a população com idade de 35 e 36 anos. De 20 de julho a 4 de agosto será a vez das pessoas entre 30 e 34 anos. A parcela com 25 até 29 anos está prevista para receber o imunizante entre 5 a 12 de agosto. Por fim, de 13 a 20 de agosto será a vez da população entre 18 e 24 anos.

De 23 de agosto a 5 de setembro serão vacinados os adolescentes com idades entre 12 e 17 anos com deficiência ou comorbidades. De 6 de setembro até o dia 20 do mesmo mês, o calendário prevê a vacinação dos jovens com idades entre 15 e 17 anos sem comorbidade. Entre o dia 20 e o dia 30 de agosto, no entanto, será a vez dos adolescentes de 12 a 14 anos também sem comorbidades.

*Com informações de Renato Barcellos, da CNN, em São Paulo

 

 

Mais Recentes da CNN