Festival de tapas acontece em 25 bares e restaurantes de São Paulo

Segunda edição do evento ocorre entre dias 15 e 30 de junho, celebrando tradição espanhola de comer em pequenos bocados

Tempurá de shissô com tartar de atum e foie gras do Miya Wine Bar, uma das 25 casas participantes do Festival
Tempurá de shissô com tartar de atum e foie gras do Miya Wine Bar, uma das 25 casas participantes do Festival Helena Rubano

CNN Viagem & Gastronomiado Viagem & Gastronomia

A segunda edição do Festival de Tapas acontece entre 15 e 30 de junho em 25 bares e restaurantes de São Paulo. Para o evento, chefs elaboraram receitas inéditas que ficam no cardápio apenas durante o festival.

Todos os estabelecimentos participantes foram selecionados pela criteriosa curadoria da jornalista gastronômica e crítica Luiza Fecarotta. O evento é uma forma de homenagear o Dia Mundial do Tapa, celebrado em 16 de junho.

Para os espanhóis, “tapear” significa compartilhar com os amigos a cozinha tradicional ou a alta gastronomia em miniatura e vivenciar um de seus mais autênticos costumes.

Apesar da origem histórica, o hábito de tapear é compartilhado por diversas cozinhas e povos — desde os mezzés do Oriente Médio até a petiscaria brasileira, típica dos botecos.

A lista de bares e restaurantes confirmados reúne relevantes nomes da gastronomia paulistana.

No segundo Festival de Tapas São Paulo, um júri de especialistas vai avaliar as receitas criadas especialmente para o evento e, no dia 5 de julho, será anunciado o grande vencedor do concurso, que receberá uma passagem de ida e volta para a Espanha.

Pela primeira vez, o evento oferecerá também a possibilidade de voto pelo júri popular, com inscrições pelo site da Turespaña e a chance de concorrer a um jantar com acompanhante no restaurante eleito como melhor do festival.

Confira a lista de participantes

  • Adega Santiago Asador: Idealizada por Ipe Moraes, para a segunda edição do Festival, oferece o Pulpo à la feria (R$46), preparo tradicional espanhol feito com polvo, batata, páprica e azeite.
    Endereço: Rua Haddock Lobo, 1626 – Cerqueira César, São Paulo / Telefone: (11) 3198-8258
  • Arancino Bar: fundado pelo casal Mauro Ferrari e Daniela Abrahão, da renomada Cozinha dos Ferrari, oferecem Polenta frita com bochecha de porco e tomates confit (R$30).
    Endereço: R. Itabaiana, 210 – Belenzinho, São Paulo / Telefone: (11) 96434-6809
  • De Primeira Botequim: comandado pelo casal Gabriel Coelho e Júlia Tricate, oferecerão para o festival uma Lula à dorê, tomate frito, abacate e pó de pimentão (R$46).
    Endereço: R. Aspicuelta, 271 – Vila Madalena, São Paulo – SP / Telefone: (11) 3816-5186

    Lula à dorê, tomate frito, abacate e pó de pimentão_Foto Helena Rubano 2
    Lula à dorê, tomate frito, abacate e pó de pimentão / Helena Rubano
  • El Mercado Ibérico: concebido por Mara Carvalho e Javier Amigo Martinez, a tapa desenvolvida por eles para o festival foi o Calamar empanado, tinta de calamar y sobrasada (R$55, 2 unidades) — lula frita e recheada com sobrasada de Mallorca, tinta de lula e alho frito.
    Endereço: R. Pamplona, 310 – Bela Vista, São Paulo / Telefone: (11) 97470-3070
  • Huevos de Oro: casa das sócias Cassia Campos e Daniela Bravin, responsáveis pela seleção de vinhos e vermutes, quase todos espanhóis, a Cavalinha boquerón (R$35) foi a receita desenvolvida por Juan Pilotto para o Festival e combina cavalinha curada, pimentão defumado e manteiga.
    Endereço: Avenida Pedroso de Morais, 267 – Pinheiros – São Paulo / Telefone: (11) 94507-3118
  • Jais Hand Made: fundada pelo casal Karina e Egon Jais, a tapa desenvolvida por eles especialmente para o Festival é o Trio de Charcutaria (R$52, com 2 unidades de cada preparo) – presunto tipo speck servido no pão sueco com pasta de camarão e tomate seco; fina fatia de lardo no pão schiacciata com mel fermentado com jalapeño; e fiocco de cullatelo servido na baguete com tomate batido.
    Endereço: Rua Valdemar Blakauskas, 80 – Vila Progredio, São Paulo / Telefone: (11) 3722-1879
  • Jiquitaia: o premiado restaurante do chef Marcelo Corrêa Bastos criou para o evento a Mini fritada de batata com bacalhau, azeitonas e aïoli (R$29).
    Endereço: Rua Coronel Oscar Porto, 808 – Paraíso, São Paulo / Telefone: (11) 3051-5638
  • Koya88: com menu assinado pelo chef e sócio Thiago Maeda, terá especialmente para o Festival o Nigiri crocante com vinagre em pó, shoyu, pargo curado, kombu, tomate em pó e jamón (R$28 – 2 unidades)
    Endereço: Rua Jesuíno Pascoal, 21 – Vila Buarque – São Paulo / Telefone: (11) 94066-8846
  • La Peruana Cevicheria: casa tem cardápio assinado pela chef peruana Marisabel Woodman, que criou a Papa rellena (R$55) – Bolinho de batata recheado de camarão e lula, molho a la diabla (feito com caldo de peixe e camarão, aji amarillo, ají panca, vinho, cerveja, alho e manteiga), ovo de codorna, salsa criolla e óleo de coentro.
    Endereço: Alameda Campinas, 1357 – Jardim Paulista, São Paulo/ Telefone: (11) 5990-0623
  • Lardo Bar e Sebo: o restaurante participa do Festival com a Croqueta de arroz, atum e lardo com queijos, kimchi e algas (R$38 – 2 unidades).
    Endereço: R. Guiara, 376 – Pompeia, São Paulo / Telefone: (11) 97854-0719
Make Hommus_Charuto Kuyruk_Foto Helena Rubano 2
Charuto Kuyruk / Helena Rubano
  • Make Hommus. Not War: Comandado pelo chef Fred Caffarena e pela gastróloga Talita Silveira, o restaurante participa do festival com o Charuto Kuyruk (R$28) — charuto de couve-manteiga recheado de rabada e arroz cateto, servido com mutabal (tipo de creme bem amanteigado) de feijão branco, salada de feijão manteiga ao estilo turco e ovo de codorna com gema mole.
    Endereço: R. Oscar Freire, 2270 – Pinheiros, São Paulo / Telefone: (11) 99176-5171
  • Mapu Baos e Comidinhas: criado pela imigrante taiwanesa Jasmine Chen e por seu filho, Duilio Lin, a casa é conduzida pelos chefs Caio Yokota e Victor Valadão, que preparam durante o Festival o Frango Frito Taiwanês (R$40), com molhos malah, à base de especiarias, como as pimentas sichuan e vermelha, e tártaro taiwanês, com mostarda fermentada, picles de cebola roxa e pepino, jujube e o óleo de katsuobushi – peixe bonito seco – taiwanês.
    Endereço: R. Áurea, 267 – Vila Mariana, São Paulo / Telefone: (11)  5081-4070
  • Mescla: comandado pelo chef boliviano Checho Gonzales, serve, durante o Festival, os Mexilhões em tomatada (R$38 – 3 unidades) – tostadas de mexilhões em conserva sobre tomate na manteiga e vinho branco.
    Endereço: R. Sousa Lima, 305 – Barra Funda / Telefone:(11)  91107-8943
Metzi_Sopecito_Foto Helena Rubano 2
Sopecito do Metzi / Helena Rubano
  • Metzi: comandado pelos chefs Luana Sabino e Eduardo Ortiz, participam do Festival com o Sopecito – massa de milho nixtamalizado assada, com borda – recheado com polvo, cambuci e feijão-preto (R$56).
    Endereço: R. João Moura, 861 – Pinheiros, São Paulo / Telefone: (11) 97604-4920
  • Miya Wine Bar: com menu assinado pelo chef Flávio Miyamura, participam do Festival com o Tempurá de shissô com tartar de atum e foie gras (R$55 – 2 unidades).
    Endereço: R. Padre Carvalho, 55 – Pinheiros, São Paulo / Telefone: (11) 91624-3540
  • Mocotó Bar e Restaurante: dirigido por Rodrigo Oliveira, para o Festival o chef criou a Tortilha de mandioca com carne de sol confitada, requeijão do Norte e salsa de pimenta-biquinho (R$32,90 – 2 unidades).
    Endereço: R. Aroaba, 333 – Vila Leopoldina, São Paulo / Telefone: (11) 3294-4814
  • Moela: o sócio e chef Romulo Morente criou o Pastel de morcilla com cebola tostada com conserva de cebola (R$15) para o evento.
    Endereço Santa Cecília: R. Canuto do Val, 136 – Vila Buarque, São Paulo / Telefone: (11) 2385-2144
  • Nit – Bar de Tapas: casa do chef catalão Oscar Bosch oferece, durante o Festival, a Pancake (R$55, 1 unidade) – taco de lechón (leitão), picles de abacaxi e salsa de pimenta gochujang.
    Endereço: R. Oscar Freire, 153 – Jardim Paulista, São Paulo / Telefone: (11) 3539-9795
  • Santana Bar: comandado pelo premiado bartender Gabriel Santana, prepara para o Festival a Croqueta de berinjela com parmesão e molho romesco (R$42, 3 unidades), assinada pela responsável pela cozinha, Kelly David.
    Endereço: R. Joaquim Antunes, 1026 – Pinheiros, São Paulo / Telefone: (11) 99631-1026
Croquete de presunto com maionese de mostarda e broto de rabanete_Foto Helena Rubano 1
Croquete de presunto com maionese de mostarda e broto de rabanete / Helena Rubano
  • Tasca da Esquina: comandado pelo chef Vítor Sobral que criou o Croquete de presunto cru com maionese de mostarda e broto de rabanete (R$51, 5 unidades).
    Endereço: R. Joaquim Antunes, 197- Jardim Paulistano – São Paulo / Telefone: (11) 3262-0033
  • Temperani Cucina: com cardápio assinado pelo chef e consultor Antonio Maiolica, para o Festival participam com a Crocchetta di ossobuco, maionese di zafferano e gremolata (R$46, 3 unidades) – croqueta de ossobuco com maionese de açafrão e gremolata.
    Endereço: R. Cândido Lacerda, 33 – Jardim Anália Franco, São Paulo / Telefone: (11) 2674-0843
  • Teus Restaurante Bar: empreendimento de Chico Farah e Pedro Grando, a tapa desenvolvida por eles para o Festival, servida com pão da casa, foi o Escabeche de mexilhões, aïoli e pimentón de La Vera (R$55), tempero com Denominação de Origem Protegida da Espanha, feito com pimentões selecionados e cultivados na região de Cáceres.
    Endereço: R. Natingui, 1548 – Vila Madalena, São Paulo / Telefone: (11) 3530-1667
  • TonTon Restaurante: “bistrô paulistano” do chef Gustavo Rozzino criou os Huevos Locos (R$39 – foto) — ovos recheados com creme de gemas, maionese e mostardas, ovas de caviar Mujol espanhol e tobiko, ovas de peixe voador.
    Endereço: R. Caconde, 132 – Jardim Paulista, São Paulo / Telefone: (11) 2597-6168
  • Torero Valese: comandado pelo chef Juliano Valese, o chef criou o Bocadillo de tuna katsu, (R$49) – sanduíche de milanesa de atum, picles agridoce de pepino, maionese de wasabi e tomaca.
    Endereço: Av. Horácio Lafer, 638 – Itaim Bibi, São Paulo / Telefone: (11) 3168-7917
  •  Virado SP: comandado pelo chef Benê Souza, o chef desenvolveu a Tostada de barriga de porco laqueada, picles de abacaxi e hortelã (R$40 – 2 unidades).
    Endereço: Largo do Arouche, 130 – República, São Paulo  / Telefone:  (11) 3334-6100
Virado_Tostada de barriga de porco laqueada, picles de abacaxi e hortelã_Foto Helena Rubano 1
Tostada de barriga de porco laqueada, picles de abacaxi e hortelã / Helena Rubano