5 bares ótimos para um date em Curitiba

Com luz baixa, bons drinques e atmosfera romântica, estes bares na capital paranaense irão aumentar - e muito - as chances do seu encontro ser bem-sucedido

Drinque do Jaguara, que tem um dos ambientes mais românticos de Curitiba
Drinque do Jaguara, que tem um dos ambientes mais românticos de Curitiba Divulgação

Caroline Grimmcolaboração para o Viagem & Gastronomia

Curitiba, Paraná

Conheceu aquela pessoa especial, o convite para um primeiro encontro finalmente aconteceu. E agora, onde ir? Confira a seguir 5 opções de bares perfeitos para tornar o seu primeiro encontro inesquecível.

  • Mykola

Com um ambiente tranquilo, sofás, tapetes e luz mais baixa, o Mykola é ótimo para um primeiro encontro. Comece com alguns dos coquetéis, como o Tékton (R$ 35), que é servido em um copo com gelo em diagonal e leva cachaça de amburana, licor de caju, St. Remy, licor de banana, café e creme de aveia. Frutado e estimulante.

Balcão do Mykola Bar, ótimo local para um primeiro encontro
Balcão do Mykola Bar, ótimo local para um primeiro encontro / Caroline Grimm

Para petiscar temos opções ousadas como o Gravlax Amazônico (R$ 30 – 5 unidades), que são fatias de pirarucu curado em temperos à base de açaí, cachaça de jambu, cumaru, endro, pimenta branca e raspas de limão. É servido com redução de tucupi, gel de maracujá e pimenta togarashi, acompanhado de pão tipo bao. 

O bar também conta com uma pequena área externa, ótima para os dias quentes ou para quem quer um pouco mais de privacidade.

Mykola: Rua Visc. do Rio Branco, 1087 – Centro, Curitiba – PR / Tel.: (41) 99507-0199 / Aberto segunda, quarta, quinta, sexta e sábado, das 19h à 01h (última entrada 00h) e domingo, das 19h às 23h (última entrada 22h) / Reservas pelo link.

  • Jaguara Bar

Um dos ambientes do Jaguara Bar foi criado especialmente para casais e possui uma uma decoração art déco romântica, luz baixa e música suave para completar o clima.

A luz baixa e avermelhada dita o tom do Jaguara
A luz baixa e avermelhada dita o tom do Jaguara / Divulgação

A sugestão é começar com o “Cupuasse” (R$ 34), que leva cachaça de jambu, cupuaçu, hortelã e água com gás, e continuar com o imperdível “Rumbo In The Jambu” (R$ 80), com rum Mount Gay XO, bitter de jambu, cumaru e pimenta habanero e vermute de Jerez. Para comer, a coxinha de carne de panela e Catupiry é uma pedida obrigatória.

Jaguara Bar: Rua João Manoel, nº188 – São Francisco, Curitiba – PR / Aberto de terça a quinta, das 19h às 00h, e sexta e sábado, das 19h às 02h. Reservas pelo direct no perfil do Instagram.

  • Ginger Bar

O Ginger, que teve como inspiração para o nome e conceito a diva e artista circense das décadas de 20 e 30, é um dos bares secretos mais antigos da cidade. A atmosfera sedutora começa logo na entrada, onde será solicitado uma senha (divulgada nas redes sociais semanalmente). A decoração é dramática, com luz baixa e música um pouco mais alta.

Apresentações surpresas acontecem no Ginger Bar - Curitiba
Apresentações surpresas acontecem no Ginger Bar / Divulgação

Do bar, você pode pedir drinques clássicos da casa, como o Meia Noite em Paris (R$ 31,90), feito com Gin Tanqueray, cordial de maracujá, vermute bianco e Amore, ou autorais, como o Arrastão (R$ 31), à base de Jose Cuervo Gold, cordial de goiaba, limão e gengibre.

Se o papo esfriar e houver aquele silêncio constrangedor, não se preocupe: uma apresentação surpresa pode salvar o momento. 

Ginger Bar: Rua Saldanha Marinho, 1220 – Centro, Curitiba – PR / Aberto de segunda a sábado, das 18h às 00h / Reservas pelo link.

  • Royalty Café

O Royalty Café, que já foi premiado inúmeras vezes pelos seus cafés únicos e de personalidade, também é um bar super charmoso, localizado dentro de um dos becos mais românticos de Curitiba, o Sfco 179.

Jardim do Sfco179, que serve a todos os estabelecimentos do complexo
Jardim do Sfco179, que serve a todos os estabelecimentos do complexo / Divulgação

O jardim, com sua pérgula cheia de trepadeiras e luzinhas amarelas, é um convite para uma noite agradável. Ótimas pedidas são o drinque The Crown (R$ 35), criado pelo bartender Ariel Todeschini, que leva espumante, vermute seco, licor de Maraschino e angostura, ou o South of Heaven (R$ 30), criado pelo barista e bartender Daniel Munari, à base de espresso, vermute Aureah rose, cordial de manga e xarope de cumaru.

Por abrir bem cedo, é uma ótima opção para um encontro vespertino.

Royalty Café: Rua São Francisco, 179 – Centro, Curitiba – PR / Aberto de domingo a quarta, das 10h às 20h, e de quinta a sábado ,das 10h às 00h.

  • Palo Cortado Bar e Loja de Vinhos

Prefere vinho aos drinques? Não tem problema, o Palo Cortado tem um ambiente perfeito para você e seu par. 

A área externa, na lateral do imóvel, toda iluminada com luzinhas amarelas, é um convite a horas de uma boa conversa acompanhada de um bom rótulo. Quer garantir mais privacidade? Chegue cedo e sente na última mesa do jardim.

Área externa do Palo Cortado, clima aconchegante e romântico
Área externa do Palo Cortado, clima aconchegante e romântico / Caroline Grimm

Você poderá escolher o seu vinho diretamente da prateleira, ou ainda da incrível seleção em taça do cardápio. Para comer, vá de Vinagrete de feijão fradinho e lula (R$ 36), com acidez e refrescância, é certeira para esses dias ainda quentes de início de outono. Outra ótima opção é a Carne de Onça (R$ 40), que, na versão do chef, sommelier e proprietário Guilherme Balbino, não leva cebola, sendo bem mais apropriada para um encontro amoroso do que a versão tradicional.

Palo Cortado: Av. Iguaçu, 1274 – Rebouças, Curitiba – PR / Aberto de terça a quinta, das 15h às 20h, e sexta e sábado, das 15h às 23h. Não aceita reservas.

Os textos publicados pelos Insiders e Colunistas não refletem, necessariamente, a opinião do CNN Viagem & Gastronomia.

Sobre Caroline Grimm

A criadora de conteúdo gastronômico Caroline Grimm
A criadora de conteúdo gastronômico Caroline Grimm / Acervo pessoal 
Curitibana, médica de formação e gastrônoma de coração, Caroline Grimm também é criadora de conteúdo e acumula milhares de seguidores nas redes sociais. Como ela mesma descreve, vive para cozinhar, comer, beber e viajar – não necessariamente nesta ordem, mas sempre em busca das melhores experiências.