Médico diz que Trump está bem e deve trabalhar de casa após contrair Covid


Kevin Liptak, Kaitlan Collins, Betsy Klein, Jim Acosta e Paul LeBlanc, CNN
02 de outubro de 2020 às 02:51 | Atualizado 02 de outubro de 2020 às 05:56
Donald Trump

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

Foto: CNN (28.ago.2020)

O presidente Donald Trump e a primeira-dama Melania Trump testaram positivo para o novo coronavírus. Os dois confirmaram o diagnósitico horas após a informação da infecção de Hope Hicks, assessora próxima do republicano que esteve no debate presidencial da última terça-feira.

Em 14 de junho, Donald Trump completou 74 anos. Joe Biden, seu adversário nas eleições, que esteve frente a frente com ele no debate presidencial da terça-feira, completa 78 anos em 20 de novembro.

Em um memorando emitido para repórteres durante a madrugada desta sexta-feira (2), o médico de Trump, o comandante da Marinha Dr. Sean Conley, escreveu que recebeu a confirmação dos testes positivos na noite de quinta-feira.

Leia também:
Trump e sua assessora estavam com Covid-19 no debate com Biden? Médicos comentam

Estas foram as palavras mais buscadas nos EUA após o debate entre Trump e Biden

E Tem Mais: Biden, Trump e o efeito de um debate com poucas propostas e muito bate-boca

Eleições nos EUA: melhores e piores momentos do 1º debate entre Trump e Biden

"O presidente e a primeira-dama estão bem neste momento e planejam permanecer em casa, na Casa Branca, durante a convalescença", escreveu Conley.

"A equipe médica da Casa Branca e nos manteremos vigilantes e agradeço o apoio fornecido por alguns dos maiores profissionais e instituições médicas de nosso país", escreveu Conley, sem detalhar que tipo de assistência estava sendo prestada à Casa Branca.

"Fique tranquilo, espero que o presidente continue realizando suas funções sem interrupções durante a recuperação, e vou mantê-los atualizados sobre quaisquer desenvolvimentos futuros", escreveu o médico.