Covid-19: Funcionários da Casa Branca serão vacinados antes da população

O imunizante está em oferta limitada e geralmente disponível apenas para profissionais de alto risco da área da saúde

Jim Acosta e Kaitlan Collins, da CNN
14 de dezembro de 2020 às 07:59
Casa Branca
Foto: Divulgação / Casa Branca

Altos funcionários da Casa Branca estão prestes a receber as primeiras vacinas contra Covid-19 dos Estados Unidos, segundo um membro do local e uma fonte com conhecimento sobre o assunto.

A vacinação, que pode começar nesta semana, vai acontecer enquanto o imunizante está em oferta limitada e geralmente disponível apenas para profissionais de alto risco da área da saúde.

Assista e leia também:
Cidades dos EUA começam a receber primeiras vacinas contra o novo coronavírus
Vacina da Pfizer começa a ser administrada nos Estados Unidos nesta segunda
O IPVA está chegando: saiba como calcular quanto vai pagar de imposto
A LEGO não produz armamentos modernos, mas aficionados criam modelos próprios

Apesar disso, o atual presidente dos EUA, Donald Trump, disse nesse domingo (13) no Twitter que os funcionários da Casa Branca devem receber a vacina "em algum momento posterior no programa, a menos que seja especificamente necessário".

"Pedi que esse ajuste seja feito", afirmou ele. "Não estou programado para tomar a vacina, mas estou ansioso para fazê-lo no momento apropriado. Obrigado."

O jornal The New York Times foi o primeiro veículo a divulgar as informações sobre essas vacinações na Casa Branca. Outros departamentos do governo devem ser vacinados nos próximos dias.

Funcionários priorizados

Um funcionário informou que prestadores de serviços de saúde do Instituto Nacional de Saúde (NIH, em inglês) do país começarão a receber a vacina em breve. Médicos e enfermeiras de unidades de terapia intensiva (UTI) do Centro Clínico do NIH serão priorizados.

Outros altos funcionários, como o especialista Anthony Fauci, diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas dos EUA, estão na lista para serem vacinados após os que são considerados prioridade.

"Altos funcionários de todas as três partes do governo vão receber as vacinas de acordo com os protocolos estabelecidos na política executiva", afirmou o porta-voz do Conselho de Segurança Nacional, John Ullyot, em um comunicado.

"O povo norte-americano deve confiar que está recebendo a mesma vacina segura e eficaz que os altos funcionários do governo dos EUA, conforme conselho de profissionais de saúde pública e líderes de segurança nacional."

A Casa Branca já passou por diversos surtos de Covid-19 ao longo da pandemia, e o próprio presidente chegou a ser infectado.

(Texto traduzido. Leia o original em inglês.)