Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Brasileiro se esconde em bunker com a família após sirenes soarem em Israel

    Helcio Motta Junior gravou vídeo em que é possível ouvir o alarme de ataque aéreo

    Foguetes são interceptados por Israel na fronteira de Gaza
    Foguetes são interceptados por Israel na fronteira de Gaza Reuters

    Tiago Tortellada CNN

    em São Paulo

    O brasileiro Helcio Motta Junior, que mora em Israel desde 2006, relatou à CNN que sirenes de ataque aéreo foram acionadas nesta sexta-feira (1°) após o fim da trégua com o Hamas.

    Motta mora em uma cidade a 15 minutos de Tel Aviv, próxima ao Aeroporto Internacional Ben Gurion. O Hamas confirmou que lançou ataques contra a cidade israelense.

    À CNN, o brasileiro de 43 anos relatou que estava jantando quando os alarmes avisando os ataques começaram a soar. Rapidamente, ele e sua família, incluindo os filhos, foram a um bunker na casa onde moram.

    No vídeo, é possível ouvir as sirenes. Veja:

    Motta trabalha como motorista de caminhão em Israel. No mês passado, ele gravou um vídeo de outro ataque contra a região de Tel Aviv, no qual é possível ver os foguetes explodindo acima do edifício em que estava.

    A pausa nos conflitos durou quase uma semana. O governo israelense acusa o Hamas de violar o acordo, ao atirar um míssil contra o território de Israel e não libertar mais reféns.

    Já o grupo armado diz que as autoridades israelenses recusaram todas as ofertas para estender a trégua, o que foi negado pelo gabinete do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu.