Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Polícia apreende material tático voltado a ataques como os de Araçatuba

    Secretaria ainda não confirmou relação com o assalto na cidade do interior paulista, que deixou três mortos

    Equipamentos apreendidos em ação do DEIC no interior de São Paulo
    Equipamentos apreendidos em ação do DEIC no interior de São Paulo Reprodução/Polícia Civil

    Giovanna GalvaniJulyanne Jucáda CNN

    em São Paulo

    Ouvir notícia

    Policiais do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) de São Paulo apreenderam na quinta-feira (01) material tático que poderia ser utilizado em ataques como os realizados em Araçatuba, onde criminosos coordenaram um assalto aos bancos da cidade na segunda-feira (30).

    A ação ocorreu nas cidades de Rio Claro e São Pedro, no interior paulista. Dois homens foram presos, incluindo um procurado por homicídio, que apresentou um documento falso no momento da prisão.

    Segundo o Deic, foram apreendidas roupas camufladas, luvas, lanternas de cabeça, coletes balísticos, camel bag, botas táticas e binóculos, além de munições .40 e .380. Havia também uma máquina de contar dinheiro, além de equipamentos para a produção de drogas.

    A descoberta dos materiais surgiu durante cumprimento de mandados de busca e apreensão obtidos por policiais da 5ª Delegacia Patrimônio, que conduz investigações sobre roubo a banco.

    No entanto, a Secretaria de Segurança Pública ainda não confirmou uma relação entre as apreensões e as investigações do ataque à Araçatuba.

    O ataque em Araçatuba

    A cidade de Araçatuba viveu momentos de terror na madrugada de segunda-feira (30) com o assalto a três agências bancárias por, pelo menos, 20 homens fortemente armados que invadiram o município.

    Imagens divulgadas nas redes sociais mostram que, durante a fuga, o grupo fez uso de reféns como “escudo humano” nos carros em movimento.

    De acordo com informações da Polícia Militar (PM), três pessoas morreram – duas seriam moradoras da cidade e uma suspeita de integrar o grupo –, três ficaram feridas e sete suspeitos foram presos até o momento.

    Mais Recentes da CNN