Brasil registra 53 mil casos de Covid-19, maior aumento diário desde agosto

Ao todo, país já confirmou 6.728.452 diagnósticos

Movimentação na região da 25 de março, em São Paulo, em meio à pandemia da Covid-19
Movimentação na região da 25 de março, em São Paulo, em meio à pandemia da Covid-19 Foto: Tiago Queiroz/Estadão Conteúdo (9.dez.2020)

Anna Satie, da CNN em São Paulo

Ouvir notícia

O ministério da Saúde registrou nesta quarta-feira (9) mais 53.453 casos de Covid-19 —esse é o maior aumento diário desde 13 de agosto, quando 60.091 novos episódios foram relatados.

Ao todo, o país já confirmou 6.728.452 diagnósticos desde o início da pandemia. 

Também foram comunicadas mais 836 mortes em decorrência da doença causada pelo novo coronavírus, elevando o total a 178.995. 

Leia também:

Belo Horizonte fecha acordo com o Butantan para adquirir a Coronavac

Canadá aprova uso emergencial da vacina da Pfizer contra Covid-19

Com exclusividade à CNN, o ministro da Saúde Eduardo Pazuello afirmou que a vacinação contra Covid-19 pode começar ainda neste mês, caso alguma das candidatas obtenha a autorização emergencial. 

No dia anterior, ele havia dito que a vacinação começaria em fevereiro.

Pazuello também revelou o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, que apresenta pontos para garantir a distribuição do imunizante em todo o país. A temperatura da vacina e a aquisição por estados serão alguns dos desafios. 

 

Mais Recentes da CNN