Guia Michelin anuncia seleção de restaurantes do Rio e de SP em maio

Cerimônia acontecerá no dia 20 de maio com convidados e transmissão ao vivo diretamente do Copacabana Palace, no Rio

Seleção de casas do Guia Michelin no Rio e em São Paulo acontece em maio
Seleção de casas do Guia Michelin no Rio e em São Paulo acontece em maio Divulgação

CNN Viagem & Gastronomiado Viagem & Gastronomia

A nova seleção dos restaurantes estrelados pelo Guia Michelin no Rio de Janeiro e em São Paulo tem data certa para ser revelada: segunda-feira, 20 de maio. A cerimônia será realizada no Belmond Copacabana Palace, no Rio, com chefs recém-recomendados e premiados.

Além dos restaurantes estrelados, sejam eles novidades ou mantidos na seleção, o evento destacará também as casas agraciadas na categoria Bib Gourmand, que indica boas cozinhas com um bom custo-benefício.

“Nossos inspetores estão agora finalizando seus programas de visitas anônimas e tomando as últimas decisões, antes da cerimônia que esperamos que seja excepcional”, comentou Gwendal Poullennec, Diretor Internacional do Guia Michelin.

Segundo Eduardo Paes, prefeito do Rio, “o retorno do Guia Michelin ao Rio consolida nossa posição de destaque na gastronomia mundial”. A ideia é atrair cada vez mais turistas, mais investimentos e consolidar a cidade como “um dos melhores destinos gastronômicos”.

A cerimônia de lançamento do Guia Michelin do Rio de Janeiro e de São Paulo poderá ser conferida ao vivo na noite do dia 20 de maio a partir das 20h no canal oficial do guia no YouTube. Após o anúncio, as casas selecionadas já estarão no site e no aplicativo do Guia Michelin.

Volta do Guia Michelin no Brasil

A seleção de restaurantes de 2024 é a primeira a ser atualizada em solo nacional nos últimos três anos.

A relação de restaurantes estrelados no Brasil foi lançada pela primeira vez em 2015 e pausada por conta da crise da pandemia de Covid-19. Os estabelecimentos até então selecionados no Rio e em São Paulo continuaram com suas distinções no site e no app.

A seleção é feita de forma independente por inspetores internacionais anônimos, seguindo uma metodologia baseada na avaliação coletiva da qualidade da cozinha. Devem ser seguidos cinco critérios: a qualidade dos produtos, a harmonia dos sabores, o domínio das técnicas culinárias, a personalidade da cozinha, a consistência ao longo do tempo e através do menu como um todo.