Cozinha inovadora do ASU, do chef Danilo Takigawa, desponta na capital paranaense

O restaurante autoral acaba de completar 2 anos e se consagra como uma das grandes cozinhas de produto em Curitiba

Caroline Grimmcolaboração para o Viagem & Gastronomia Curitiba, Paraná

O ASU funciona nos formatos de menu-degustação longo, menu-degustação curto e menu à la carte, e tem uma cozinha cheia de técnicas, em que valoriza os produtos regionais e o sabor do elemento central de cada prato.

É uma cozinha que transita entre o icônico e o inusitado, como no absolutamente sensacional coração de galinha assado com creme de couve flor, castanha do pará e tomilho limão no brioche da casa, do menu-degustação longo, e o mais reconfortante pulled pork, que figurou entre as entradas do menu curto de agosto.

Na cozinha do ASU brilham os vegetais, presentes de forma inusual em quase todos os pratos, como na ostra com caldo de cumaru, salsa de pimenta chipotle e repolho fermentado, ou no tartar de alcatra, salsa de alga, tempurá de folha de cenoura e creme de casca de limão siciliano fermentado. A acidez é precisa e conquistada sem o uso de artifícios óbvios. Os pratos são elegantes, coerentes e instigantes.

Ambiente clean e moderno / Caroline Grimm

Sua predileção por pescados o levou a começar a fazer o processo de maturação dos peixes no próprio restaurante, e um dos resultados é o brilhante dry aged de namorado com molho da carcaça, azeite de dill, espinafre e nibs de cacau, que chega à mesa no irresistível ponto ainda rosado no centro, mantendo toda a textura e suculência do peixe.

No menu à la carte podemos encontrar pratos como o famoso repolho com vôngole, amêndoa e laranja (R$ 39), e a deliciosa costela com abóbora, ervas e glace (R$ 105). Os pratos do à la carte não constam do menu-degustação longo.

A combinação inusitada de melão, banha de porco, manjericão, pistache e cenoura fazem uma sobremesa única / Caroline Grimm

O ambiente moderno e sofisticado está em sintonia com a gastronomia apresentada. A cozinha é aberta, e há 4 lugares disponíveis para o disputadíssimo balcão, de onde se pode acompanhar de camarote o movimento delicado, sincronizado e perfeccionista dos cozinheiros.

O chef Danilo Takigawa, de 32 anos, tomou gosto pela cozinha desde muito cedo, quando tentava replicar em casa pratos de restaurantes de Presidente Prudente, sua cidade natal. Decidiu seguir carreira na gastronomia somente após cursar administração e perceber que o mundo corporativo não o seduzia.

Seu primeiro trabalho foi no Restaurante Manu, que teve grande influência no seu estilo de cozinhar. Estagiou no restaurante Central, em Lima, que recentemente foi considerado o número um do mundo no importante prêmio 50 Best Restaurant, e chefiou a Vinícola Araucária e o restaurante Bobardi, antes de abrir o ASU.

O chef Danilo Takigawa / Caroline Grimm

Seu talento ficou evidente logo no início, quando conquistou o primeiro lugar em uma competição interna entre os estudantes do Centro Europeu, onde cursou gastronomia, e o terceiro lugar no Bocuse D’Or Seletiva nacional, em 2018.

O ASU desafia o conservadorismo curitibano. Não faltam contrastes de cores, texturas e temperaturas, onde todos os sentidos são estimulados. Combinações como melão, banha de porco, manjericão, pistache e cenoura acabam por formar uma sobremesa única e viciante. Quem diria? Danilo diria.

O ASU Punch (menu curto) é servido às terças e quartas (R$ 135). O menu-degustação de 8 tempos é servido de terça a sábado (R$ 295). O  valor do menu harmonizado tem um adicional de R$ 230, e caminha por saquê, cerveja, drinque, vinho e espumante. O menu à la carte também é servido de terça a sábado.

Sobrepaleta de porco assada, molho de alho negro, brócolis acidulado e folha de mostarda / Caroline Grimm

ASU: Alameda Augusto Stellfeld, 813 – Centro, Curitiba – PR / Tel.: (41) 4141-5231 / Aberto de terça a sábado, das 18h30 às 23h / Reservas pelo link.

*Os textos publicados pelos Insiders e Colunistas não refletem, necessariamente, a opinião do CNN Viagem & Gastronomia.

Sobre Caroline Grimm

A criadora de conteúdo gastronômico Caroline Grimm / Acervo pessoal

Curitibana, médica de formação e gastrônoma de coração, Caroline Grimm também é criadora de conteúdo e acumula milhares de seguidores nas redes sociais. Como ela mesma descreve, vive para cozinhar, comer, beber e viajar – não necessariamente nesta ordem, mas sempre em busca das melhores experiências.