Investimentos: mulheres ainda são minoria na bolsa; como reverter esse cenário?


do CNN Brasil Business, em São Paulo
25 de maio de 2020 às 09:00 | Atualizado 25 de maio de 2020 às 10:50
Podcast O que eu faço

CNN lança podcast para tirar dúvidas sobre investimentos em tempos de crise

Foto: Divulgação

Nos últimos 17 anos, o número de mulheres que investem no Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, saltou de 15 mil, para 388 mil investidoras (2002-2019) - volume recorde de mulheres inscritas, segundo a B3. Além disso, as mulheres movimentaram quase R$ 80 bilhões no mercado financeiro. 

Ainda assim, elas ainda são minoria na hora de investir: de acordo com a B3, asmulheres representam apenas 25% dos investidores do mercado financeiro, enquanto os homens representam 75% dos investidores. Entre os motivos para a baixa adesão feminina na renda variável, estão o perfil mais conservador na hora de aportar; desigualdade salarial entre homens e mulheres; e, por fim, a terceirização de assuntos financeiros. 

Enquanto isso, inúmeros estudos e relatórios demonstram a importância de uma maior participação feminina tanto no mercado financeiro, quanto com protagonismo econômico e em cargos de lideranças. É o que mostra a análise realizada pelo Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), agência de desenvolvimento internacional da ONU que trata de questões populacionais. De acordo com a instituição, uma maior participação das mulheres na economia incrementaria o PIB mundial em US$ 28 trilhões até 2025.

Mas, se há um retorno tão positivo para a economia e mercado financeiro, por que as mulheres ainda são minoria na hora de investir? Qual a diferença entre perfil e por que elas ainda são mais conservadoras quando decidem aplicar o dinheiro?  Para falar sobre finanças femininas, um time só de mulheres: Luciana Barreto e a editora-executiva do CNN Brasil Business, Paula Bezerra, conversam com Luciane Effting, superintendente-executiva de investimentos do Santander. 

 

Perdeu algum episódio? Confira todos os episódios do podcast "O que eu faço?":

#8 Volatilidade no mercado faz poupança voltar à moda. Mas vale o investimento?

#7 Fundos de investimento ajudam a diversificar a carteira; conheça a modalidade

#6 Posso ser sócio da Apple ou do Google? Como (e por que) investir no exterior

#5  Juros a 3%: ainda é possível ganhar dinheiro com a renda fixa?

#4 - Com a aposentadoria mais distante, como poupar para a velhice?

#3 - Bolsa despenca no ano em meio à pandemia. É hora de entrar?

#2 - O dólar não para de subir em 2020. É hora de comprar a moeda americana?

#1 - Reserva de emergência em tempos de Covid-19: como organizar e onde investir