Com voos diretos para Londres, aérea inglesa Virgin Atlantic desembarca em SP em 2024

Esta é a primeira operação da companhia para a América do Sul; empresa espera trazer mais britânicos para cá e fortalecer laços econômicos com o Brasil

Virgin Atlantic começa rota diária entre Londres e São Paulo em maio de 2024
Virgin Atlantic começa rota diária entre Londres e São Paulo em maio de 2024 PinPeP

CNN Viagem & Gastronomiado Viagem & Gastronomia São Paulo, SP

A Virgin Atlantic, companhia aérea inglesa fundada pelo bilionário Richard Branson, anunciou nesta semana seu desembarque no Brasil para o ano que vem. A partir de 13 de maio de 2024 a empresa passa a oferecer voos diretos para Londres com saídas de São Paulo.

Esta é a primeira rota da companhia para a América do Sul. O voo entre o Aeroporto Internacional de Guarulhos e o Aeroporto Internacional de Heathrow terá duração de 11h55 e será operado diariamente por um Boeing 787-9 com capacidade para 258 passageiros – 31 lugares na primeira classe, 35 na premium e 192 na econômica.

As vendas das passagens devem começar a partir de agosto. As tarifas partem de  £ 655, aproximadamente R$ 4 mil.

Os planos da Virgin de iniciar a rota em solo brasileiro acabaram adiados por conta da pandemia de Covid-19. A expectativa agora é trazer cada vez mais britânicos para o país e fortalecer o comércio entre os dois territórios.

O CCO da companhia, Juha Järvinen, argumenta que esta é uma boa oportunidade para viajantes britânicos. “Voar para São Paulo representa muito mais do que apenas uma nova rota. É a porta de entrada para a América do Sul e significa um crescimento importante para a Virgin Atlantic”, disse em comunicado.

Segundo a Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur), o Reino Unido é um dos mercados emissores prioritários de turistas para o Brasil: em 2019 foi o décimo país que mais enviou turistas para cá, com 163.425 indivíduos. Em 2022 foram 87.909 visitantes e 55.226 no primeiro quadrimestre deste ano.

Voo entre São Paulo e Londres será feito a bordo de Boeing 787 / Divulgação

Entra na conta também o setor de cargas da empresa, já que o Brasil é um dos principais mercados exportadores da América do Sul. A aérea espera transportar remessas regulares de peças de automóveis, alimentos, produtos agrícolas e farmacêuticos entre os países.

Os voos serão diários e terão saídas às 12h45 de Londres, com chegada prevista em São Paulo às 20h20. A saída para o caminho de volta está programada para o mesmo dia: às 22h10 de Guarulhos e chegada às 13h25 do dia seguinte em Heathrow.

A Virgin também estabeleceu uma parceria com a Latam para oferecer voos de conexão a partir da capital paulista. Vale lembrar que de Londres é possível voar com a Virgin para outros destinos no mundo, como Tel Aviv, Delhi e Xangai.