Atirador do metrô de NY disparou 33 vezes e atingiu ao menos dez pessoas, diz oficial

Policiais encontraram uma pistola, quatro granadas, um machado e a chave de uma van na estação do Brooklyn

Polícia cerca região do metrô do Brooklyn após tiroteio na estação de metrô
Polícia cerca região do metrô do Brooklyn após tiroteio na estação de metrô Foto: Spencer Platt/Getty Images

Rob Frehseda CNN

Ouvir notícia

O suspeito do tiroteio no metrô do Brooklyn soltou granadas de fumaça no trem e disparou 33 vezes, atingindo pelo menos dez pessoas na manhã desta terça-feira (12), informou o chefe dos detetives da polícia de Nova York, James Essig.

Mais tarde, no local, os investigadores encontraram uma pistola Glock, três carregadores estendidos, duas granadas de fumaça detonadas, duas granadas de fumaça não detonadas e um machado, acrescentou Essig.

O detetive disse que também encontrou uma chave no local que os levou à recuperação de uma van no Brooklyn.

Nenhum dos ferimentos das vítimas parece ser fatal, disse o comissário da polícia de Nova York, Keechant Sewell.

“Sabemos que este incidente é de grande preocupação para os nova-iorquinos”, disse Sewell. “Não podemos perder de vista as vítimas nesta cidade. Usaremos todos os recursos que pudermos para levar à justiça aqueles que continuam a atacar os cidadãos de Nova York”, completou o comissário.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN