Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Massa e Milei votam no segundo turno da eleição presidencial da Argentina

    Argentinos votam neste domingo (19) no segundo turno das eleições presidenciais

    Javier Milei e Sergio Massa votam neste domingo (19): os dois se enfrentam no segundo turno pela Presidência da Argentina
    Javier Milei e Sergio Massa votam neste domingo (19): os dois se enfrentam no segundo turno pela Presidência da Argentina CNN

    João Nakamurada CNN*

    em São Paulo

    Os dois candidatos à Presidência da Argentina, Sergio Massa e Javier Milei, votaram no segundo turno da eleição presidencial do país, realizado neste domingo (19).

    O candidato governista e atual ministro da economia da Argentina, Sergio Massa (Unión por la Patria), esteve presente mais cedo em um colégio do município de Tigre, nos arredores de Buenos Aires, para registrar seu voto. Veja o momento:

    No início da tarde, o candidato libertário à presidência da Argentina, Javier Milei (La Libertad Avanza), foi recebido por apoiadores na Universidade Tecnológica Nacional, localizada no bairro de Almagro, em Buenos Aires, onde registrou seu voto. Veja o momento:

    A justiça argentina determinou que fosse estabelecido um esquema de segurança na Universidade Tecnológica Nacional, após o alto fluxo de apoiadores de Milei ter causado uma confusão no local durante o primeiro turno.

    Massa encerrou o primeiro turno com 36,69% dos votos válidos, vencendo a primeira etapa do pleito. O candidato ultraliberal Javier Milei fechou a etapa com 29,99%. Com o resultado, os dois foram encaminhados ao segundo turno.

    De acordo com projeção da Atlasintel publicada no dia 10 de novembro, Milei deve vencer o pleito com 52,1% dos votos totais, contra 47,9% de Massa – com margem de erro de um ponto percentual.

    Para conseguir a virada – feito alcançado apenas pelo ex-presidente Maurício Macri, em 2015 -, Milei conta com o apoio da terceira colocada no primeiro turno, Patricia Bullrich (Juntos por el Cambio), que teve 23,84% dos votos.

    Já Massa vem tentando se aproximar de diversos setores da política e da economia argentina desde o final do primeiro turno.

    Veja também: CNN analisa disputa entre Massa e Milei na véspera do segundo turno

    *Sob supervisão de Daniel Fernandes