Trem no RS leva público para conhecer vinícola na fronteira com Uruguai

Aos sábados, a partir de 20 de julho, o trajeto de 20 quilômetros passará por paisagens do Cerro de Palomas, com típicas planícies gaúchas

Passeio de trem pelo Rio Grande do Sul oferece degustação de vinho e visita a vinícola
Passeio de trem pelo Rio Grande do Sul oferece degustação de vinho e visita a vinícola Flow Films

Gabriela Pivado Viagem & Gastronomia

Viajar pelas paisagens do Cerro Palomas, as típicas planícies gaúchas, e degustar vinhos da região é um ótimo passeio para as férias de inverno, em julho. O Trem do Pampa, operado pela Giordani Turismo, trará essa possibilidade ao público a partir de 20 de julho.

Com aproximadamente três horas de passeio, os passageiros poderão sair de Sant’Anna do Livramento e chegar até a Vinícola Almadén, que faz fronteira com Rivera, no Uruguai.

Com capacidade para cem pessoas, o trem percorrerá um trajeto de 20 quilômetros, aos sábados, pelas paisagens gaúchas do Cerro de Palomas. Os vagões são batizados pelas uvas da região, “Tannat” e “Cabernet”, onde os passageiros irão assistir a apresentações musicais dos artistas locais e degustarão vinhos e sucos da Almadén.

O pacote comum custa R$ 135 por pessoa e pode ser adquirido aqui.

A visita na vinícola terá duração de aproximadamente uma hora. Lá, estará à disposição dos passageiros degustações de vinhos, apresentação com guia sobre a história do local, visita ao museu do vinhedo e ainda a possibilidade de ver como ocorre a produção das bebidas e conhecer a estrutura local.

O trecho de trem, no entanto, não é de ida e volta. Por isso, o pacote inclui uma passagem de ônibus, sendo que o visitante faz primeiro o trecho de trem, mas volta de ônibus — ou vice-versa. Ou seja, é possível partir da Estação Palomas ou da Sant’Ana do Livramento.

 Vinícola Almadén
No passeio do Trem do Pampa, o público visita a Vinícola Almadén / Emerson Ribeiro

Moradores de Sant’Ana do Livramento e Rivera tem 50% de desconto no primeiro ano do Trem do Pampa — ou seja, pagarão R$ 67,50.

Para comprar o ingresso com o benefício, moradores de ambas cidades devem apresentar um comprovante de residência recente na hora da compra em um ponto de venda.