Os melhores lugares para comemorar o 4 de julho nos Estados Unidos

Além de fogos de artifício serem uma tradição da época, há festas em topo de prédios icônicos, barcos e restaurantes

Nova York promove uma série de festas e passeios para aproveitar o Dia da Independência
Nova York promove uma série de festas e passeios para aproveitar o Dia da Independência Gary Hershorn / Colaborador/Corbis News/Getty Images

Gabriela Pivado Viagem & Gastronomia

No dia 4 de julho, os Estados Unidos celebram o Dia da Independência, conquistada em 1776, após séculos de dominação da Grã-Bretanha. Este marco histórico é comemorado com entusiasmo em todo o país, onde famílias se reúnem para desfrutar desfiles coloridos, fogos de artifício e uma variedade de eventos comunitários.

Fogos de artifício são uma tradição da época — e as festas em todo o território norte-americano também. Conforme a American Pyrotechnics Association, de 2017, os EUA importam mais de 11,3 milhões de quilos de pirotecnia em homenagem ao dia.

Veja abaixo dicas de onde festejar o 4 de julho nos EUA:

 

Filadélfia, na Pensilvânia

Uma das comemorações mais tradicionais do 4 de julho ocorre na Filadélfia, na Pensilvânia. A cidade, inclusive, faz parte da história norte-americana por começar a tradição de usar os fogos de artifício. Em 1777, um ano após a assinatura do documento que tornava os EUA independentes, o município disparou 13 fogos de artifício no Commons homenageando as 13 colônias da época.

O festival Wawa Welcome America, do Dia da Independência da Cidade de Filadélfia, oferece 16 dias do evento para celebrar a data. Os fogos de artifício ocorrem no Museu de Arte da Filadélfia, na Benjamin Franklin Parkway. A entrada é gratuita.

Há diversos shows para o público no evento desta quinta-feira (4). O cantor Ne-Yo, conhecido por hits como “So Sick”, e a cantora Kesha, dona de “Tik Tok”, são algumas das atrações confirmadas.

Nova York, em Nova York

A cidade de Nova York oferece uma série de opções para os viajantes aproveitarem o 4 de julho. Além do Macy’s Fourth of July Fireworks, o espetáculo anual de fogos de artifício, lançados de vários locais do rio East, com coreografias elaboradas e sincronização de músicas, ainda há festas e diferentes opções de lugares para assistir ao show.

É possível assistir ao espetáculo dos fogos de artifício do topo dos prédios, em restaurantes beira-mar e também em barcos.

Para ver o evento nas alturas, o famoso Empire State Building organiza uma festa no 86º andar, em um observatório ao ar livre. Com música ao vivo, bebidas e comidas típicas de Nova York, os ingressos para o evento custam a partir de US$ 550 (cerca de R$ 3000). Veja mais informações aqui.

O deck de observação ao ar livre mais alto do Hemisfério Ocidental, o The Edge, ao lado do rio Hudson, também promove uma festa. Com open bar, comida e DJ ao vivo, a entrada custa US$ 500 (cerca de R$ 2.700). Compre aqui.

O Summit One Vanderbilt, que oferece vistas panorâmicas de Nova York, organiza um evento com acesso aos seus três andares. Ainda há uma sala interativa com balões vermelhos, brancos e azuis, banda ao vivo, comida e mais. Os ingressos custam US$ 350 (cerca de R$ 1.950) e podem ser adquiridos aqui.

Para quem quiser avistar o show de fogos no rio Hudson, o N-Y-C Water Cruises oferece duas festas com jantar, bebidas, música ao vivo. Há opção de ir em um iate íntimo ou espaçoso. O pacote custa a partir de US$ 400 (R$ 2.200) e pode ser comprado aqui.

Outras alternativas de cruzeiro custam US$ 4.500 (R$ 25 mil), US$ 340 (R$ 1.893) e US$ 299 (R$ 1.664). Ainda é possível ver os fogos de artifício em restaurantes. O City Winery, no Pier 57, por exemplo, organiza uma festa com entretenimento ao vivo, jogos e mais.

Los Angeles, na Califórnia

Para quem quiser assistir aos fogos de artifício com vista para o mar, Los Angeles é um bom lugar. Todo ano, a pirotecnia toma conta do oceano, na Marina del Rey. De lá, é possível assistir ao espetáculo de locais como, por exemplo, o parque público Burton Chace.

Ainda há opção de assistir ao show de pirotecnia no mar. Com os cruzeiros da agência Queen Mary, é possível até pernoitar no navio, que também oferece comidinhas, jogos de famílias, música, competições e sobrevoo de aviões da Segunda Guerra Mundial.

O pacote do cruzeiro para o público geral custa a partir de US$ 55 (ou R$ 305) para adultos, sendo que a entrada VIP pode ser adquirida a partir de US$ 125 (ou R$ 694). Confira aqui.

Washigton D.C.

A capital dos EUA, Washigton D.C., comemora este 4 de julho com a segunda edição do Fourth of July in the District Concert. É um dos locais mais tradicionais da celebração. A festa é gratuita e oferece assentos por ordem de chegada.

Com banda da Força Aérea norte-americana, o evento conta com apresentações patrióticas, variedade de gêneros musicais e a presença de artistas renomados, como o cantor Gavin DeGraw, o ícone do hip hop Doug E. Fresh, a cantora country Reyna Roberts e mais.

Organizado pela prefeitura da cidade, o festival também traz diversos food trucks. O público pode escolher entre bolos, sorvetes, comida mexicana e mais. Ainda há uma área destinada às crianças.

Boston, em Massachusetts

O tradicional festival Boston Harborfest deste ano traz fogos de artifício, música ao vivo de artistas locais, desfiles e bandas do Exército e da Marinha dos EUA por cinco dias — do dia 1º ao dia 6 de julho. Ainda há leitura da Declaração da Independência em voz alta.

Como o Dia da Independência coincide com a Semana da Marinha em Boston, o evento conta com apresentações da Banda da Marinha do Nordeste.

No sábado (6), há exposição sobre a história do órgão governamental e conversa com integrantes da Marinha. Veja a programação completa do evento, em inglês, aqui.

Fundada pelos ingleses, Boston, inclusive, oferece uma série de bons restaurantes. Caso esteja na cidade, uma dica de Daniela Filomeno é passar em estabelecimentos como o Trattoria Il Panino e o Rare Steakhouse.